Resenha: creme de pentear VOUDECOCO (Griffus)

Alô, alô!

Como vocês estão, pessu? Quem lembra da minha última resenha no blog sabe que eu já não escrevo sobre isso há 84 anos hahaha Desde o carnaval de 2017 cansei de mudar os produtos que uso em meu cabelo e agora, reservei esse momento único para falar do creme de pentear VOUDECOCO da Griffus.

Eu realmente acredito que seja uma linha nova porque até então, não conhecia a marca – pode ser engano da minha parte – quem comprou foi minha mãe porque nós sempre testamos produtos diferentes para avaliarmos uma variedade que seja compatível com nossos cachos.

Em um primeiro momento pensei que não iria gostar desse creme porque sua consistência era extremamente leve e se o usasse seria em grande quantidade para dar definição aos meus caracóis; não! Ele hidrata de uma maneira que em um mês não senti tanta necessidade de passar meus óleos para nutrição – mesmo que isso seja aconselhado para a manutenção da juba, principalmente das cacheadas – e com relação ao day after define os cachos até 1 dia e meio – eu faço exercícios e talvez por isso não dure mais. Meu cabelo é médio e portanto eu uso um pouco mais que uma moeda de um real de creme, mas isso muda conforme a necessidade da moçoila ou moçoilo hahahaha

Foto do produto retirada do Google e minha foto retirada da galeria pessoal.

Outra coisa boa também de se comentar é que normalmente eu sempre recomendo produtinhos para as cacheadas mas dessa vez tá liberado, povo! o creme não é focado em um tipo de fiação específica, o que faz ser bom para todos – na minha família tanto eu quanto os meus pais usamos e ambos tempos fios de estruturas diferentes.

“A linha VOUDECOCO da Griffus Cosméticos traz o poder do coco para nutrição avançada e revitalização capilar. O grande poder condicionante faz desta linha a maior aliada para beleza e saúde de todos os tipos de cabelo. Com extração da polpa do coco fresco por prensagem a frio, o óleo 100% vegetal altamente concentrado é o grande ativo da linha, que regenera o fio capilar e previne danos de agentes térmicos, químicos e ambientais. O resultado: cabelos fortes e saudáveis, macios, brilhantes e sem frizz.

O Creme para Pentear VOUDECOCO é um produto leave-in e protetor térmico, que possui princípios ativos de regeneração, proteção e hidratação intensa. Sua formulação é livre de parabenos, parafinas, óleos minerais e corantes.”

Texto retirado da embalagem do produto.

E para completar ele é VEGANO! Agora sim, pessu, tá valendo à pena hahahaha Se faz bem para mãe natu claro que faria bem para gente, não é? E sério, eu estou fazendo essa resenha no amor porque juro que não é jabá – quem me dera até hahaha #mepatrocinaporfavor

Bom, é isso, espero que vocês tenham gostado desse post e comentem aqui se vocês já conheciam e usaram esse creme para pentear ou a linha vegana, ok? Não esqueçam de nos seguirem também no insta do blog que sempre temos dicas e falamos sobre o nosso cotidiano, se quiserem aparecer por lá usem as nossas hashtags #paposérioblog e #paposériopelomundo.

Até uma próxima, beijos de luz.

Jade Goulart

 

 

 

Anúncios

Resenha: Óleo de Umectação Êeeee! #todecacho

Alô, alô!

Como vocês estão? Quem acompanha o blog sabe que eu amo falar sobre cabelos e que desde o carnaval estou prometendo essa resenha que ajudou consideravelmente os meus fios, mas antes de iniciar o post e falar o que eu achei desse produtinho, quero conversar com vocês sobre as diversas fiações que nós possuímos.

Cada cabelo é diferente, não é à toa que muitas vezes a hidratação que caí bem na sua amiga não “serve” para você, isso porque cada estrutura capilar tem uma necessidade. Por esse motivo foi criado um quadro para a divisão de cada fio e identificação de qual pertence a quem. Assim cada produto é destinado para um tipo de cabelo (varia entre 1A e 4C) gerando um efeito maior e duradouro, é sempre bom lembrar que nosso couro cabeludo às vezes suporta mais de um tipo de estrutura.

 

tipos-de-cabeloFoto retirada do Google

Então, bora lá! No carnaval levei na mala o restinho do meu antigo óleo de coco para hidratar e moldar os meus cachos, mas no terceiro dia por estar usando um pouquinho mais que o normal com o corre, corre de um bloco para o outro, ele acabou e foi um desespero só! Passei na primeira farmácia que vi e como não tinha o outro, comprei o Óleo de Umectação êeeee! da linha #todecacho, inicialmente fui levada pela estampa diferente do produto, eu achei bem linda e juvenil mas quando cheguei em casa e testei, vi que as razões para usá-lo eram outras.

” ÊEEEE! Podem comemorar esse Óleo de Umectação… é um espetáculo, sabem por quê? Possui um mix de óleos vegetais com girassol, oliva e coco que ajudam naquela umectação dos sonhos (durante o dia minutos antes de lavar os cabelos ou noturna) e que você adora. Porque você merece + nutrição, + hidratação e muuuito + brilho! E não se esqueça que você pode misturar esse óleo com a sua máscara predileta para dar um toque especial no tratamento. Vamos arrasar! 😉

  • Óleo de Girassol: hidrata e aumenta o brilho.
  • Óleo de Oliva: rico em vitaminas A, D, K e antioxidantes.
  • Óleo de Coco: rico em vitamina E e ácidos graxos”

O óleo é bem consistente, lembra um pouco hidratantes para as mãos com silicone; diferente de outros óleos não é aguado e você sente quando passa pelo cabelo que ele vai formar uma “capa protetora” para os fios. Eu passo sempre pós-banho junto com o creme para pentear e mesmo depois de um dia cheio os cachos não desarmam, sem contar que o Day After é muito bom, antes eu sentia a necessidade de fazer um penteado porque o produto não os mantinha mas agora fica tudo solto e lindo! hahaha

Outro diferencial é que ele abrange dos cachos 2A ao 4c – felicidade, mulherada! Eu gostei bastante e não pretendo abandonar tão cedo hahaha O único ponto negativo é que se você passar muito nos fios eles podem assumir uma aparência de gorduroso horrível, então se atentem a isso, ok?

 

Fotos retiradas do Google

Eu espero que vocês tenham curtido esse post, digam o que acharam e compartilhem com xs amigxs hahaha Vejam também: Cortes para cachos • Cor nos cachos • Cronograma Capilar.

Até uma próxima,

Jade Goulart

 

 

Unhas: branco. 

Alô, alô!

Com essa semana corrida de Carnaval quase não tive tempo de produzir esse post, mas eu estou aqui firme e forte para trazer inspirações de unhas que usei e muito nesses dias, além de combinarem com qualquer estilo de roupa estão longe de serem básicas!

Eu sempre fui doida para pintar as minhas unhas de branco, mas ficava insegura porque a piadinha do “liquid paper” surgia na minha cabeça, foi quando eu resolvi escutar Latch do Disclosure e vi uma das garotas usando e me apaixonei mais ainda, não resisti e aderi a ideia – que não vou parar de usar por um bom tempo.

Recolhi algumas fotos da minha pasta do Pinterest Pessoal mas vale muito a pena nos seguir também no Pinterest Oficial para ficar de olho nas ideias que eu tenho e as meninas também têm.

 

Uma das coisas que mais gostei nessa cor é que além de poder usá-la individualmente ao juntar com outras cores, seja por um detalhe ou por um desenho mais elaborado, fica charmoso.

Bom, gente, é isso, gostaram da dica? Se sim, nos siga também nas nossas outras redes sociais para sempre receber atualizações! Até uma próxima!

Jade Goulart

Carnaval.

Alô, alô, povo!

Hoje iremos falar sobre uma das minhas semanas preferidas do ano: a do carnaval! Mas meus queridos e queridas, Papo Sério também é cultura e vamos discorrer um breve resumo para você ficar por dentro de como começou tudo!

Nosso querido “carna” chegou no Brasil por volta do século XVII muito influenciado pelas festas que aconteciam na Europa com figuras mascaradas e em salões, foi daí que surgiu o Pierrot, o Rei Momo, entre outros. Naquela época, como vocês já devem saber, somente as pessoas com bagatelas frequentavam as festas porém com o passar do tempo esse costume popularizou – já no século XX ouvia-se as marchinhas nas ruas como ainda acontece hoje.

Uma curiosidade boa é: a primeira escola de samba a surgir no RJ se chamava “Deixa eu falar” – com Ismael Silva, com o tempo evoluiu para a “Estácio de Sá”; as escolas foram se expandido logo depois pelo Rio e Sampa.

Em cada parte do Brasil o carnaval é comemorado de maneira diferente, no nordeste por exemplo, com o frevo – agências de viagens nos financiem para Bahia! Sabendo disso, com o calor próprio que só o Rio tem, houve uma seleção de fantasias frescas e bem legais para pular bastante nesses dias. As fantasias foram retiradas do Pinterest e os sites e blogs responsáveis pelas publicações vão estar logo abaixo da matéria.

Muito bom, não é? Eu particularmente amo purpurina, vou usar bastante na cara e no corpo!

Sugestões musicais para entrar no clima:

  • Pierrot – Los Hermanos
  • 100% você – Chiclete com Banana
  • País Tropical – Ivete Sangalo

Curtam bastante a semana e se hidratem! Esperam que tenham gostado, gente, até logo!

FONTES: 

Pesquisa:

http://www.suapesquisa.com/carnaval/

https://www.resumoescolar.com.br/historia/resumo-da-origem-do-carnaval/

Blogs e sites:

https://shop.luisameirelles.com/

http://www.rioetc.com.br/carnaval/baile-a-ceu-aberto/

Jade Goulart

Carinho inesperado.

Conheci um cara no carnaval, ele era bem legal, eu só queria dar uns beijinhos e tal, mas ele não me largou e isso nos aproximou, no fim da noite ninguém mais eu via porque o melhor eu já tinha. No ponto ele queria me levar, mas eu não quis deixar, grande erro eu cometi porque ali eu me perdi.

Grandes histórias para contar, um sentimento estava no ar, não paramos de conversar, muito menos de brincar, para ele eu queria voltar, mas por que tão longe tinha que morar? Me apaixonar eu não queria, mas o meu desejo era estar com ele todo o dia.

O tempo foi passando e fomos nos afastando, quando eu vi ele não estava ali e um novo cara eu conheci, sem perceber eu comecei a me envolver, passei a namorar e não tive coragem de contar, o tempo foi passando e a saudade apertando, o namoro acabando e o arrependimento batendo, quando vi nada mais havia ali.

Voltamos a nos falar e eu já não sabia mais como lidar, era o cara certo na hora errada, mas quando lembro daquela risada só quero voltar e de novo poder abraçar aquele cara que nunca me decepcionou, que só me respeitou.

Um ano se passou e aquela intimidade voltou, não sei se é amizade ou amor, só sei que não há dor, não sei no que vai dar, mas se ele deixar dele eu vou cuidar e amar e respeitar, ele é com certeza o tipo de cara que quero me casar.

Caroline David